vespa velutina: modelos de armadilha e sua eficácia

No Manual de Boas Práticas no Combate à Vespa Velutina — captura de vespa velutina com armadilhas —, publicado em 2020, foram apresentados os resultados da eficácia de diversas armadilhas, artesanais e comercias. Como podemos ver a eficácia é muito baixa; apenas 1% dos insectos apanhados são V. velutinas para os três tipos de armadilhas artesanais avaliadas. Os resultados das 3 armadilhas comerciais avaliadas são igualmente pouco entusiasmantes.

Modelos artesanais

Modelo da Associação dos Apicultores do Norte de Portugal 

Modelo da Associação dos Apicultores do Cávado e Ave 

Modelo Associação dos Apicultores de Entre- Minho e Lima 

Modelos comerciais

Modelo comercial CLAC 

Modelo comercial TAP TRAP 

Modelo comercial VÉTO-PHARMA 

fonte: https://www.drapc.gov.pt/base/geral/files/manual_boas_praticas_combate_vespa_velutina.pdf

Um comentário em “vespa velutina: modelos de armadilha e sua eficácia”

  1. Não sei qual é a composição do engodo colocado em cada tipo de armadilha. Muito mais importante do que a cor ou o formato, é o engodo. Esse pode atrair outros insetos ou não, dependendo se é à base de açucares, de proteína e qual o odor dominante.
    Para evitar a entrada das borboletas, é ter atenção ao tamanho dos furos de entrada.
    Quanto a moscas da fruta, moscas pretas e mosquitos, não me oponho. Dá-me sempre vantagem, pois costumo colocar armadilhas no pomar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.