poluição luminosa é motivo de declínio de insetos

Mudanças climáticas, pesticidas e mudanças no uso da terra por si só não podem explicar totalmente o declínio nas populações de insetos na Alemanha (ver aqui estudo alemão). Os cientistas do Instituto Leibniz de Ecologia de Água Doce e Pesca Interior (IGB) descobriram agora que as regiões que experimentaram um declínio agudo dos insetos voadores também têm altos níveis de poluição luminosa. Muitos estudos têm sugerido que a luz artificial à noite tem impactos negativos sobre os insetos, e os cientistas devem prestar mais atenção a esse fator ao explorar as causas do declínio da população de insetos no futuro.

[…] a equipe liderada pelo pesquisador do IGB, Dr. Maja Grubisic, analisou as localizações das áreas envolvidas no estudo de 2017: áreas que têm um nível de poluição luminosa acima da média. “Metade de todas as espécies de insetos são noturnas. Como tal, elas dependem da escuridão e da luz natural da lua e das estrelas para orientação e movimento ou para escapar aos predadores, e para realizar as suas tarefas noturnas como procurar comida e se reproduzir. A luz artificial nocturna perturba esse comportamento natural e tem um impacto negativo em suas chances de sobrevivência “, explica Maja Grubisic, referindo-se ao ponto de partida de sua investigação.

Os cientistas analisaram todos os estudos recentes sobre os efeitos da luz artificial à noite nos insetos, e descobriram que há fortes evidências que sugerem uma ligação credível entre a poluição luminosa e o declínio nas populações de insetos. Por exemplo, insetos voadores são atraídos por luzes artificiais – e, ao mesmo tempo, são removidos de outros ecossistemas – e morrem de exaustão ou por se tornarem presa fácil. Além disso, linhas de luz ao longo de estradas e/ou ruas impedem que os insetos voadores se espalhem causando uma falta de troca genética dentro das populações de insetos o que pode reduzir sua resistência a outras influências ambientais negativas, que são especialmente pronunciadas em áreas agrárias.

fonte: https://phys.org/news/2018-06-pollution-insect-decline.html

Há cerca de 3 anos atrás verifiquei, numa povoação francesa perto de Lyon, que os candeeiros de iluminação pública noturna eram desligados por volta da meia-noite. Quando indaguei sobre as razões de tal procedimento informaram-me que era uma medida que visava proteger os insectos e aves com hábitos noturnos.

Fig. 1: Mapa da poluição luminosa – Europa. Créditos: Esri / HERE / DeLorme / NGA / USGS

Nota: neste link https://www.galeriadometeorito.com/2016/07/novo-mapa-da-poluicao-luminosa.html é abordada a problemática da poluição luminosa.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.